O Cidadão Ilustre e Piratas do Caribe

Antes de enfrentar as filas para estreia de Mulher Maravilha, temos duas opções para você conferir no cinema hoje

Cultura e Educação
Data: 3 de junho de 2017
arte barbearia digital -07

Se você planeja ir ao cinema neste fim de semana e busca fugir das longas filas das estréias temos uma sugestão:  confira algum filme que chegou no mês de maio! O portal Barbearia Digital te traz duas dicas bastante diversas entre si: O Cidadão Ilustre [Argentina, 2016, em cartaz desde 11 de maio] e Piratas do CaribeA Maldição de Salazar [EUA, 2017, em cartaz desde 25 de maio].

 

O contraste entre as obras não poderia ser maior: o primeiro é um filme latino-americano, com baixo orçamento e sucesso absoluto de crítica [e também de público em seu país natal]. O segundo é a típica megaprodução de Hollywood, contando com superastros no elenco e repleta de efeitos especiais, mas com avaliações não tão positivas assim.

 

O Cidadão Ilustre é o filme perfeito para quem quer ver algo mais adulto e de alta qualidade dramática, embora passando longe das histórias mais pesadas e complicadas de se entender. Mesmo podendo ser classificado como um filme “de arte”, nada tem de inacessível ou rebuscado demais em sua concepção. É um drama, mas, na medida do possível, leve e até cômico em vários momentos.

 

Cidadão conta a história do retorno do consagrado romancista Daniel Mantovani [Oscar Martinez] à sua minúscula e pacata cidade natal, Salas, na Argentina, após quatro décadas radicado na Europa.

 

Embora todos os livros que escreveu na vida [e que fizeram seu nome] tivessem o enredo ambientado em Salas, Daniel odiava o lugar, que sempre era retratado como provinciano, atrasado e habitado por pessoas rudes e carentes de ambições na vida.

 

O retorno lhe mostra que pouco mudou no lugar com o passar do tempo, e, muito embora ele seja inicialmente recebido com todas as honrarias, não tarda até que o provincianismo do povo Salense mostre suas garras, e na forma mais deletéria possível: por demonstrações gradualmente mais violentas de intolerância com tudo o que é diferente.

 

À medida que vai voltando a conviver com as pessoas de Salas, Daniel vai adquirindo novas inspirações – que andavam em falta – para criar suas próximas obras.

 

 

Filme O Cidadão Ilustre

Embora considerado um filme de arte, Cidadão Ilustre é um drama capaz de agradar ao grande público. [Foto: Reprodução/ Internet]

 

 

Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar é possível de se resumir em poucas palavras – é mais do mesmo de tudo o que já foi visto até aqui nos filmes anteriores: tem Jack Sparrow [Johnny Depp] bêbado e aprontando todas, tem navio com mortos-vivos que sofreram uma maldição, tem donzela pra ser resgatada por um príncipe-plebeu… enfim, nada que você ainda não tenha visto. A única novidade neste filme é o vilão [o tal de Salazar] interpretado pelo sempre competente Javier Bardem.

 

O grande problema de A Vingança de Salazar é o mesmo que vem condenando a franquia Piratas do Caribe à irrelevância desde o terceiro capítulo, No Fim do Mundo [2007]: a mais completa falta daquele clima de descontração e irreverência que tornou tão simpático o primeiro episódio, em 2003. Sem ele, não há efeito especial de última geração que salve. E nem mesmo a interpretação de Johnny Depp agrada mais tanto assim – na verdade, os trejeitos de Sparrow já soam como lugar-comum.

 

Afora esses pontos negativos, é preciso dizer que A Vingança de Salazar não é de todo um fracasso: há, sim, cenas de ação muito bem boladas e algumas passagens bem cômicas, capazes de fazer rir. E tem também Sir Paul McCartney em uma participação especial [ainda que só por um minutinho ou dois].

 

Ah, só pra constar o óbvio: aqueles que continuam a adorar o Capitão Jack Sparrow [mais que o próprio Depp] e não se importam em ver mais do mesmo, definitivamente, vão gostar de A Vingança de Salazar.

 

 

Piratas do Caribe

O mais novo Piratas do Caribe: mais do mesmo, porém, com cenas de ação bem boladas e cômicas. Vale à pena assistir. [Foto: Reprodução/ Internet] 

Barbeiro Digital